3.473.413 acessos
associe_se
crirs

Notícias

Frente Parlamentar da Justiça Notarial e Registral do RS é lançada nesta quarta-feira (07.08), durante solenidade na AL/RS

Foi instalada, na manhã desta quarta-feira (07.08), a Frente Parlamentar da Justiça Notarial e Registral do Rio Grande do Sul, no salão Júlio de Castilhos da Assembleia Legislativa do Estado (AL/RS). O ato contou com a participação de mais de 140 pessoas, dentre parlamentares, presidentes de entidades, notários, registradores, e demais autoridades.

A Frente Parlamentar foi proposta pelo deputado estadual Elizandro Sabino, que irá presidir as atividades, e recebeu apoio da Associação dos Notários e Registradores do Rio Grande do Sul (Anoreg/RS). O objetivo é ampliar as ações em prol dos serviços extrajudiciais, por meio do diálogo e da atuação conjunta do Poder Legislativo com as entidades de classe notariais e registrais gaúchas.



O deputado estadual Elizandro Sabino agradeceu a presença dos participantes, também dos deputados que foram a favor da Frente e auxiliaram na sua composição, assinando a proposição. “Nós já vínhamos há algum tempo planejando, esperando e desejando esse momento. E esse dia chegou. Essa Frente Parlamentar tem o objetivo de debater temas que são extremamente importantes para o interesse público do Estado do Rio Grande do Sul, uma vez que as atividades extrajudiciais proporcionam agilidade e segurança jurídica administrativa. Os serviços notariais e registrais são agentes de combate à burocracia, às fraudes e à própria corrupção. Estaremos elencando um conjunto de propostas que colocaremos em debate”, afirmou.



Representando as entidades de classe notariais e registrais, os presidentes da Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Rio Grande do Sul (Arpen/RS), Arioste Schnorr, e o presidente do Colégio Registral do Rio Grande do Sul, João Pedro Lamana Paiva, discursaram durante a solenidade. O presidente do Colégio Registral do Rio Grande do Sul, João Pedro Lamana Paiva, ressaltou a importância da instalação da Frente e os benefícios que ela trará. “A Frente Parlamentar da Justiça Notarial e Registral terá lado para atuar. E este é o lado do povo gaúcho, que precisa resolver parte dos seus problemas jurídicos através de meios adequados. Todos conhecemos hoje os inúmeros benefícios gerados para a sociedade quando se fomenta o desenvolvimento das atividades extrajudiciais. A Frente certamente produzirá bons frutos, apenas por permitir que se crie um ambiente de reflexão, e também de ação, onde se permita o diálogo, visando a construção de soluções que melhorem a vida do cidadão”, relatou.



Já o presidente da Arpen/RS, Arioste Schnorr enfatizou a possibilidade de mais transparência e eficácia com os temas que são apresentados na AL/RS, no que dizem respeito à área notarial e registral, com a instalação da Frente. “Neste dia eu me sinto envaidecido e agradecido, porque a ideia de concretizar esse momento nasceu durante uma reunião da Arpen/RS, há dois anos e nos propormos a efetivamente trabalharmos no sentido de que este fato acontecesse. Na sequência, houve a participação decisiva dos demais colegas, das demais entidades e hoje estamos muito satisfeitos”, concluiu.



Ao final da cerimônia, o deputado Sabino recebeu da Anoreg/RS e suas entidades representativas, por meio do presidente Danilo Alceu Kunzler, uma placa em homenagem ao trabalho prestado. Também participaram da solenidade, o juiz-corregedor da Corregedoria-Geral da Justiça do Rio Grande do Sul (CGJ-RS), Maurício Ramires, os presidentes Calixto Wenzel (Sindicato dos Registradores Públicos do Estado do RS – Sindiregis), Ney Paulo Silveira de Azambuja (Colégio Notarial do Brasil – Seção Rio Grande do Sul – CNB/RS), Romário Mezzari (Instituto de Estudos de Protestos do Rio Grande do Sul – Iepro/RS), Marco Antônio Domingues (Instituto de Registros de Títulos e Documentos e de Pessoas Jurídicas do Rio Grande do Sul – IRTDPJ/RS), Sérgio Ariel Farias Raupp (Sindicato dos Notários do Rio Grande do Sul – Sindinotars), a presidente da Associação de Registradores e Notários do Alto Uruguai e Missões (ARN), Margot Silveira de Souza, a vice-presidente do Instituto de Registro Imobiliário do Rio Grande do Sul (IRIRGS), Denize Alban, e o vice-presidente da Coopnore, José Carlos Espig.


Fonte: Assessoria de Imprensa

07/08/2019

Galeria de Imagens